“O mercado imobiliário será melhor em 2021”

Roberto Sampaio: Engenheiro civil pela UFRJ com mestrado em habitação. Trabalha no sistema financeiro com foco no setor imobiliário desde 1986. Fundador da divisão de investimentos imobiliários da Empírica.

Comprar um imóvel ainda é o principal desejo de boa parte dos brasileiros.

Por conta da boa valorização e segurança que um imóvel oferece, é muito comum encontrar um outro tipo de comprador nesse mercado: o investidor. Seja para construir e vender, alugar, re-vender ou especular, o setor imobiliário é sempre visto como uma das formas mais tradicionais de investimento que existem.

O setor imobiliário é um dos preferidos entre o público que quer investir seu dinheiro e construir um patrimônio, devido à junção de diversos fatores, tais como:

→ Sua segurança de investimento;
→ Seu grande potencial de valorização;
→ A demanda quase sempre alta;
→ A possibilidade de diversificação.

A forma mais tradicional de investir nesse mercado é por meio da construção ou compra direta de um imóvel — seja para ser alugado e gerar uma renda passiva mensal ou para ser vendido por um valor maior no futuro. Porém, existem diversas outras maneiras de investir em imóveis.  

Agende uma visita

Compartilhar:

POSTS RELACIONADOS

Nova forma de morar

Aquele velho sonho de ter uma casa com vários cômodos para abrigar uma grande família já não faz parte dos planos de boa parte da população dos principais centros urbanos

Casa Nova, Vida Nova

O século 21 está abrindo espaço para novas formas de construir, com impactos mais positivos sobre a saúde, o bem-estar e o conforto das pessoas e olhando para o meio

Rolar para cima